sexta-feira, 30 de novembro de 2018

No alto do monte

Odemira

Filmes

... os filmes são eternos, solares, draculianos, jazem em caixas redondas, ressuscitam à noite, ou na Primavera.

MACHADO, Dinis, O Lugar das fitas - crónicas de cinema, Quetzal, 2016, p. 100.

Mar zangado

Cabo Carvoeiro, Peniche

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

terça-feira, 27 de novembro de 2018

Ruas da Figueira da Foz












Passando a praia de Caxias

Rio Tejo

Comporta








Comporta é uma freguesia portuguesa do concelho de Alcácer do Sal, com 150,54 km² de área e 1 268 habitantes (2011). A freguesia é limitada a norte pelo estuário do rio Sado e a oeste pela península de Tróia, da qual fica separada pela ribeira da Comporta. 


A Comporta é famosa pelas suas praias de enorme qualidade e pelo clima ameno durante o verão.  O amplo areal, o parque de estacionamento e os bons acessos - através de uma estrada de terra que parte da EN 261, antes de chegar à Herdade da Comporta - no sentido norte-sul - faz desta praia uma das mais conhecidas e concorridas da região. Durante muito tempo, foi o local escolhido pelas gentes do interior alentejano para ir a banhos. Hoje, devido à autoestrada Lisboa-Madrid, são os espanhóis que tornaram a Comporta um dos seus locais de eleição. Esta praia tem sido galardoada com a Bandeira Azul ao longo dos anos, símbolo da qualidade que por aqui poderá encontrar. 

Fonte: Wikipédia.

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

"Subindo" à ponte



Maat, Lisboa

Flauta


Praia da Consolação

A praia da Consolação, ao lado do seu forte com idêntico nome, localiza-se na freguesia de Atouguia da Baleia, concelho de Peniche, distrito de Leiria.

Fonte: Wikipédia.

Ermida de N. Sra. do Castelo

No monte sobranceiro à vila de Coruche está uma linda ermida a proteger esta localidade ribatejana. Mesmo num dia de chuva fotografei esta igreja que permanece no local onde outrora se levantava um castelo que foi cenário de frequentes escaramuças entre muçulmanos e cristãos. Segundo a tradição oral foi fundada por D. Afonso Henriques, conservando-se aqui um retrato deste rei. Sofreu, ao longo dos anos, vários restauros, apresentando-se hoje, airosa e atraente, com o seu pequeno templo e torre debruados a azul-ferrete, próprio da região. Do miradouro avista-se um deslumbrante panorama sobre a várzea, numa planície a perder de vista, onde os campos do Sorraia.

Fonte: https://www.visitcoruche.com/igrejas

Macacadas


Macaco é um termo de origem africana (provavelmente do banto makako) utilizado como designação comum a todas as espécies de símios ou primatas antropoides.

Fonte: Wikipédia.

sábado, 24 de novembro de 2018

Interior do Palácio D. Manuel

Aqui fica uma fotografia do primeiro andar do palácio, a única forma actual de visita, já que agora encontra-se encerrado por motivo de obras de restauro.

sexta-feira, 23 de novembro de 2018

Sono de gorila


Os gorilas são mamíferos primatas pertencentes ao género Gorilla, endémicos das florestas tropicais do centro da África. O fato de compartilharem entre 98 a 99% do DNA com os seres humanos faz dos gorilas um dos parentes vivos mais próximos, logo depois dos chimpanzés. O gorila é o maior dos primatas actualmente existentes e este dorminhoco vive no Jardim Zoológico de Lisboa.

Fonte: Wikipédia.

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Tanque à porta

Odemira

Casa da Guarda

À entrada do Castelo de Montemor-o-Novo encontramos este edifício histórico - a Casa da Guarda, que guardava o castelo de planta triangular irregular.


O pano da muralha voltado a norte, foi primitivamente rasgado por uma porta, hoje desaparecida, denominada como Porta de Évora. O acesso é feito actualmente pela chamada Porta da Vila, a norte, flanqueada pela chamada Torre do Relógio, de planta quadrada, com porta em arco quebrado. 


Externamente à muralha está adossada a Casa da Guarda, com tecto abobadado, cujo portão em arco é encimada pelo brasão de armas de D. Manuel I.

Fonte: Wikipédia.

Palavras


As palavras não fazem o homem compreender,
é preciso fazer-se homem para entender as palavras. 


HELDER, Herberto, Poemas zen, O Bebedor nocturno – poemas mudados para português, Lisboa, Assírio & Alvim, 2010, p. 81.


Moinho de vento, por dentro e por fora


Moinho de Odemira


Cerro dos Moinhos Juntos

domingo, 18 de novembro de 2018

Pormenores da Figueira





Figueira da Foz

De catecúmeno a neófito

Hoje assisti ao baptizado de dois adultos - o Júlio e o Simão, na Igreja de S. Francisco, em Évora e pude partilhar a alegria destes dois novos cristãos junto com o senhor arcebispo D. Francisco. Que o amor a Deus permaneça sempre nos seus corações.

Ruas do Sobral





Sobral da Adiça - Moura

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Fortaleza de Peniche



Mandada edificar por D. João III em 1557 e concluída em 1645 por D. João IV, que a considerou a principal chave do Reino pela parte do mar, a Fortaleza de Peniche serviu como praça militar de vital importância estratégica até 1897, abrigo de refugiados Boers provenientes da África do Sul no início do séc. XX, residência de prisioneiros alemães e austríacos durante a Primeira Guerra Mundial, prisão política do Estado Novo entre 1934 e 1974, alojamento provisório de famílias portuguesas chegadas das antigas colónias ultramarinas em 1974 e, a partir de 1984, albergue do Museu Municipal. A Fortaleza de Peniche é Monumento Nacional desde Março de 1938. 

Fonte:http://www.cm-peniche.pt/Cultura--Fortaleza-de-Peniche

Elefante gigante

Zoo de Lisboa

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Tejo internacional



Parque Natural do Tejo Internacional é o nome usado para designar dois espaços naturais protegidos de idênticas características mas com gestão diferenciada, um na província de Cáceres, Espanha e outro no distrito de Castelo Branco, Portugal.
O sítio foi declarado reserva da biosfera transfronteiriça pela UNESCO em 2016.

Abrange uma área em que o rio Tejo constitui a fronteira entre Portugal e Espanha. O parque sob administração portuguesa ocupa uma área de 26 484 hectares e engloba partes dos concelhos de Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Vila Velha de Ródão e Nisa. A vegetação do parque inclui bosques de sobreiros e azinheiras e galerias de salgueiros ao longo dos rios.
É uma importante área de nidificação de aves, podendo-se observar a águia-de-bonelli, águia-real, abutre-fouveiro e abutre-do-Egipto. Também abriga populações de cegonhas-pretas, uma espécie rara em Portugal.
Os mamíferos do parque incluem a lontra-europeia, o gato-bravo, o veado-vermelho e a gineta. Do lado espanhol situa-se o designado Parque Natural del Tajo Internacional, que compreende (total ou parcialmente) 11 municípios: Alcántara, Brozas, Carbajo, Cedillo, Herrera de Alcántara, Membrío, Salorino, Herreruela, Santiago de Alcántara, Valencia de Alcántara e Zarza la Mayor.

Fonte: Wikipedia.